Seis dicas sobre como utilizar o freio ABS

Associação Brasileira de Engenharia Automotiva (AEA) publica instruções para orientar o consumidor sobre a operação do equipamento, que vai se tornar obrigatório a partir de 1º de janeiro de 2014

 

Carsale – Já na virada de 2014 (1º de janeiro) todos os veículos nacionais e importados serão obrigados a ter como equipamento de série o sistema de freios ABS no mercado brasileiro. A Associação Brasileira de Engenharia Automotiva (AEA), que participou da Câmara de Segurança Veicular do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e da elaboração da norma regulamentando a introdução desse componente no país, lançou um informativo que explica o funcionamento desse novo equipamento de segurança para o público.

Confira a seguir seis dicas sobre os cuidados e a operação do ABS e esclareça suas dúvidas.

1) O que é o ABS?

É um sistema de segurança que impede o bloqueio das rodas durante uma frenagem de emergência, evitando que o motorista perca o controle sobre o veículo.

2) Como funciona o ABS?

Em situações de emergência, ao tentar evitar uma colisão, normalmente o condutor atua com força sobre o pedal de freio, causando o bloqueio total das rodas. O bloqueio das rodas implica na perda de aderência do pneu com o solo. Nestas situações, o veículo fica fora do controle, pois não obedece ao comando do volante. Com freio ABS, o motorista é capaz de frear e desviar do obstáculo ao mesmo tempo, minimizando a perda de controle do veículo. Ao frear no meio de uma curva ou sobre superfícies escorregadias o sistema atua para que o bloqueio das rodas não aconteça.

3) Devo pressionar o pedal do freio com máxima força em uma frenagem de emergência? E quando o pedal do freio trepidar?

Em uma situação de emergência, sim. Nos veículos equipados com o freio ABS, o condutor deve pressionar o pedal do freio com a máxima força e manter o pedal pressionado para que o sistema possa atuar com efetividade. A atuação do freio ABS é identificada através de uma leve trepidação nos pedais em decorrência da variação de pressão dos freios para que estes não travem. Portanto, não se deve aliviar a pressão do pedal do freio quando em uma frenagem de emergência em um veículo equipado com freio ABS.

4) O freio ABS exige uma manutenção especial?

Durante toda a vida útil do veículo nenhuma manutenção preventiva se faz necessária no sistema de freios por conta do ABS. Permanece o plano de manutenção do sistema de freios convencional, como substituição de fluido, pastilhas, entre outros.

5) Como detectar anomalias no sistema ABS?

Os veículos equipados com ABS possuem uma lâmpada indicativa no painel, que indica a ocorrência de qualquer anomalia no sistema.

6) O freio ABS já está disponível em todos os veículos?

Atualmente, a grande maioria dos modelos oferece o freio ABS como um item opcional. Contudo, por determinação legal, a partir de 1º de Janeiro de 2014 todos os veículos sairão de fábrica com o sistema.

 

Fonte: Carsale