Roteiro Santa Catarina: Joinville, Piçarras, Bombinhas e Florianópolis

Coloque o pé na estrada para explorarmos a deslumbrante Santa Catarina! Com muitas histórias para contar para seus visitantes, o estado é responsável por cativar eternamente seus turistas.

Esta terra tem em suas cidades, arquiteturas clássicas que combinam perfeitamente com a beleza natural do seu litoral. Por Joinville, Piçarras, Bombinhas e Florianópolis, visitaremos locais mágicos, selvagens e outros bucólicos.

Estas localidades se encontram até próximas umas das outras e, viajando de carro, você poderá vê-las num roteiro econômico e completo.

 

Roteiro Santa Catarina: Joinville, Piçarras, Bombinhas e Florianópolis

 

Joinville

Com clima agradável, proporcionado pelos seus vizinhos: o mar e as serras, Joinville é considerada uma das melhores cidades para se viver, não fugindo então à explicação de seu próprio nome: vila feliz.

Em Joinville, é forte a presença da cultura européia, principalmente a germânica, e você pode partir para o Museu Nacional de Imigração e Colonização para compreender e até se aprofundar nesta interessante dinâmica. O espaço é um complexo onde também está a Casa Enxaimel. A poucos metros dali, não há como não reparar na Alameda Brustlein, uma rua enfeitada por palmeiras reais.

 

A Alameda Brustlein e ao fundo o Museu Nacional. Foto: Leo Laps/Flickr 

 

O Museu Casa Fritz Alt, a 2 km da Alameda, é dedicado a um importante escultor da cidade, e seu adorável interior é decorado com peças e mobílias do artista. A visita é interessante e conta muito sobre o antigo modo de vida de Joinville. Outros museus curiosos e fascinantes são o Museu da Bicicleta, completíssimo e divertido – pertinho do maravilhoso Parque Zoobotânico, e o Museu Arqueológico de Sambaqui, no coração da cidade.

Joinville tem os melhores festivais culturais fora do eixo Rio-São Paulo. A cidade, sede da única filial da Escola do Teatro Bolshoi, realiza no mês de julho o incrível e diversificado Festival Internacional de Dança. Se a sua viagem estiver programada para outro mês e você quer curtir outras opções culturais, parta para a região central, na Rua Dona Francisca, onde está a Casa de Cultura, grande incentivadora das artes locais.

Mesmo estando próxima ao mar, Joinville não tem praias, mas tem a Baía de Babitonga, que oferece passeios de barco por uma boa extensão do litoral. Este tour marítimo é finalizado em São Francisco do Sul, uma cidadezinha praiana com cara de vila portuguesa.

 

Piçarras

Piçarras é uma cidade litorânea com oito quilômetros de areia limpa e dourada. Seu mar, que varia num azul escuro ao transparente, é sempre calminho, tornando Piçarras a escolha preferida das famílias.

Se a calmaria não é o seu estado preferido, siga ao norte, para visitar a Praia de Palmeiras. Lá você encontra praticantes de windsurf, mar mais agitado e uma gigantesca beleza natural. Ao lado desta praia, a semidesértica Ponta do Jacques é indicada aos aventureiros, pois é cercada pela mata e tem acesso somente por trilhas margeadas por um paredão de pedras.

 

Piçarras é conhecida pela tranquilidade e pela pesca esportiva. Foto: deltafrut/flickr 

 

Na Praia de Piçarras, você terá opções de gastronomia, entretenimento e acesso a duas atrações selvagens, extremamente belas e memoráveis. Embarque em um dos barcos atracados perto da orla para ver de perto as Ilhas Itacolomi. De imediato, o pensamento ao vê-la é: como estas duas ilhas rochosas foram parar ali? A pergunta não tem resposta, mas para isso temos a lenda local que diz que os paredões representam um casal de namorados que fugiram a nado e sumiram no mar revolto. No dia seguinte, as ilhas se ergueram representando este amor inabalável.

Mais adiante, no passeio de barco, a Ilha Feia, que ao contrário do nome é estonteante, tem mar de águas claras, vegetação densa e trilhas que conduzem a grutas pouco exploradas. Se você não tem familiaridade com trekking, deixe as trilhas de lado e curta apenas a belíssima praia.

 

Bombinhas

Ao seguirmos para Bombinhas, a nossa viagem será intercalada por lugares conhecidos nacionalmente pela sua beleza e badalação. Itajaí e Balneário Camboriú estão na nossa rota e a parada se faz mais do que necessária.

O município de Bombinhas se destaca por ser quase um aquário a céu aberto. O mar tem uma graduação de cores tão vívida, que turistas de todo o mundo vão até a cidade para praticar mergulho. Na praia principal, Bombinhas, você encontra diversão noturna e muitos turistas. Mesmo sendo muito frequentada, Bombinhas tem uma orla super limpa.

A Praia da Tainha é uma das mais frequentadas do litoral de Bombinhas. Foto: Julieta Bonazza 

 

Se você quer ficar num lugar mais isolado, somente curtindo a esplêndida vista azul do mar, siga para a Praia do Ribeiro, com acesso através de uma trilha. Ela não é deserta, mas com certeza você desfrutará deste local como se fosse o único turista ali. A agitação retorna à orla na Praia de Bombas, que tem infraestrutura para receber todo o tipo de viajante. Emoldurada pela Mata Atlântica, a praia é uma daquelas para passar uma tarde inteira com a família.

Percorrer as praias de Bombinhas é um programa nem um pouco enjoativo, cada uma tem uma beleza diferente; o mar, apesar de ser o mesmo, parece ganhar novos coloridos a medida que contornamos a cidade. Seguindo ao sul da Praia de Bombinhas, desça até a espetacular Praia do Mariscal (ótima para o surf), e a tranquila Tainha.

Se Bombinhas é conhecida pelo snorkel, então iremos até as ilhas que proporcionam o melhor mergulho que você terá em sua vida. A Reserva Biológica Marinha do Arvoredo é uma área preservada, composta pelas Ilhas do Arvoredo, Deserta, Galés e Calhau de São Pedro, tendo muitos peixes exóticos e lugares inexplorados. Como há um controle de visitação às ilhas, o mais indicado é fazer este passeio logo cedo.

 

A subida ao Morro do Macaco leva 20 minutos e você é presenteado com esta vista. Foto: Andréia Reis/Flickr 

 

Bombinhas é pequena e, caso você tenha tempo, percorra sem rumo a cidade; há muitas atrações escondidas, descobertas somente por aqueles que gostam de explorar cada canto de um lugar. Como, por exemplo, o Parque Municipal do Morro do Macaco, pertinho da Praia de Canto Grande, ao sul de Bombinhas. Deixe o seu carro estacionado nas imediações e suba uma trilha que o levará ao topo do morro, onde é possível ver os barcos no mar e as praias catarinenses. Uma visão particular deste céu na terra.

 

Florianópolis

Chamada de Ilha Magia, Florianópolis é a capital do estado e rainha no quesito encantos naturais. Percorrendo a parte continental, já temos uma visão da ilha, e aí entendemos o porquê de ela ser tão magnetizante: a magia da natureza não é ofuscada, na verdade, ela é usada numa combinação perfeita com as construções históricas da cidade.

A Ponte Hercílio Luz, um cartão postal logo na chegada à Floripa. Foto: Mathieu Struck/Flickr

 

Pelo centro histórico encontramos ótimos restaurantes, a Catedral Metropolitana, um museu, o mercado público e o Palácio Cruz e Sousa. Descanse um pouco antes de visitarmos as outras atrações; a ilha é grande e será preciso pegar algumas rodovias para chegar às praias do litoral sul, leste e norte.

E indo ao sul, conheceremos o povoado de Santo Antônio de Lisboa, que mantém sua ancestralidade açoriana. Nesta mesma ponta sul de Floripa você também descobre a Lagoa de Peri. Seu nome é uma homenagem a um piloto dos Correios franceses que perdeu o controle do seu avião e caiu no lago. Como os moradores não conseguiam pronunciar direito seu sobrenome, apelidaram Saint-Exupery de Peri. Antes que você leia duas vezes, é ele mesmo: Antoine Saint-Exupery, o autor do clássico Pequeno Príncipe.

E como estamos falando do piloto e autor, seguimos para o bairro Campeche, a leste de Santo Antônio de Lisboa. Campeche é local onde St. Exupéry deveria pousar, ali foi construído o primeiro aeroporto internacional. A praia de Campeche tem águas geladas, mas isso não tira em nada o valor do local, sendo ótima para o surf. Armação, pertinho dali, também atrai muitos turistas, principalmente por causa do seu magnífico passeio de barco pelas praias da região leste.

Começando a jornada rumo ao norte, em Lagoa de Conceição, você encontrará muitos jovens e o motivo é explicado pelos inúmeros bares, festas noturnas e opções de esportes radicais, principalmente nas praias de Joaquina e Mole. Há também feirinhas de artesanato, lojas com produtos regionais e como já dissemos: festas. Muitas festas!

 

A Praia de Joaquina, por ter mar agitado, recebe vários festivais de surf. Foto: Lorraine Santana/Flickr 

 

Voltando mais uma vez à estrada, o roteiro é tomado pela Praia dos Ingleses. As ruas deste bairro são bem estreitas e repletas de turistas argentinos. As dunas são propícias para esportes radicais e, as areias, para momentos de bronze e relaxamento. Na orla, há bares e restaurantes. Em Canasviera, já ao norte da ilha, além da bela praia você também pode curtir um divertido passeio de escuna, conduzido com muita música.

Para terminar o roteiro, visite a praia mais badalada de Floripa, Jurerê Internacional, e desfrute de uma refeição típica da região e das inúmeras opções glamorosas de sua vida noturna.

 

Como chegar

Joinville até Piçarras: Siga na direção sul pela Av. Getúlio Vargas e continue a rota pelas ruas Santa Catarina e Porto Rico para então chegar à rodovia BR-101. Continue pela via e depois siga pela Pista Lateral, faça o retorno e pegue a Av. Getúlio Vargas, já em Piçarras.

Piçarras até Bombinhas: Indo sentido sul, entre na rotatória próxima a R. João de Deus Carvalho e pegue a 2ª saída para a R. Geraldo Cardoso. Entre na SC-414  e depois vire à esquerda para a BR-101. Para entrar na cidade, saia da BR 101 seguindo a direção da rodovia SC-412. Ao cruzar a rotatória continue pela SC-412 até o centro de Bombinhas.

Bombinhas até Florianópolis: Entre na SC-412 para descermos ao sul pela BR-101. Depois, entre na BR-282 e saia na R. Antônio Pereira Oliveira Neto. Pegue a rampa de acesso rumo à Av. Paulo Fontes, centro de Floripa.

E você, já visitou alguma destas cidades? Compartilhe sua experiência!

 

 

Esse post foi escrito para o Blog da Rentcars – Aluguel de Carros.