Novo centro de atendimento do Consulado dos EUA no Rio abre dia 7 de maio no Humaitá

Do Jornal O Globo

As mudanças implantadas pela Embaixada e Consulados dos Estados Unidos no processo de concessão de vistos para brasileiros entram em uma nova fase nesta segunda-feira, dia 7 de maio, com a implantação dos Centros de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV) em Brasília, Belo Horizonte, Recife, Rio de Janeiro e São Paulo. Nos centros, os solicitantes do visto terão coletados os dados biométricos (foto e digitais) – o primeiro passo para a obtenção do visto no caso de quem está pedindo o visto pela primeira vez, ou a única etapa presencial obrigatória, a quem já teve a autorização para entrar no país. No Rio, a unidade vai funcionar Rua Humaitá 275 (todos os endereços podem ser vistos aqui). Serão 20 guichês de atendimento, funcionando em horários flexíveis e aos domingos, inclusive.

Com o CASV, o esquema de obtenção do visto muda. A começar pelas taxas: não é mais necessário pagar os R$ 38 pelo agendamento, nem mesmo o valor do Sedex para o envio do passaporte pelos Correios (em torno de R$ 40). A Embaixada fechou acordo com uma transportadora que enviará para todo o país o documento. Assim, apesar de a taxa oficial do visto ter aumentado em abril de US$ 140 para US$ 160, a soma final dos gastos será reduzida em torno de R$ 40.

O primeiro passo no processo é preencher o formulário DS-160; depois, pagar a taxa única do visto pelo cartão de crédito no site, em dinheiro em qualquer agência do Citibank ou por boleto bancário. E então agendar a entrevista através do novo site brazil.usvisa-info.com. Quem nunca tirou o visto, terá neste momento dois agendamentos marcados: o de apresentação no CASV para a coleta dos dados biométricos, apresentação da página de confirmação do formulário DS-160 e passaporte válido, e, entre um a oito dias depois, a entrevista no Consulado com um diplomata levando de novo o passaporte e o DS-160. Quem já tirou o visto, terá uma única data marcada, a de comparecimento ao CASV, também munido de confirmação de preenchimento do formulário e passaporte. Maiores de 66 anos ou menores de 15 estão isentos da coleta de impressões digitais, e só precisam entregar uma foto tamanho 5×7. O solicitante também poderá escolher entre receber o passaporte em casa ou em local pré-escolhido.

Segundo comunicado emitido pela Embaixada dos Estados Unidos no Brasil, o objetivo do novo sistema – que já é usado em diversos países, inclusive na Argentina – reduzam o tempo de espera em até 20 dias (atualmente, leva em torno de 50 dias e a expectativa é chegar a 30) e tornar o processo mais conveniente aos solicitantes.