Lugar de criança é no banco de trás!

Por mais itens de segurança que seu veículo apresente, transportar crianças no banco da frente não é recomendável. Segundo a Organização Mundial da Saúde, nove a cada dez acidentes fatais, poderiam ter sido evitados com o uso do equipamento de segurança adequado, como cadeirinhas para bebês e cinto de segurança para as crianças.

De acordo com o Código de Trânsito, crianças até 10 anos devem ser transportadas no banco de trás do carro. A penalidade para o não cumprimento desta lei é uma infração gravíssima, além dos pontos na carteira de habilitação.
Para bebês, é importante que a criança seja acomodada no assento infantil. Consulte o manual do produto para a devida instalação do equipamento no carro. A criança deve ficar de costas para o assento dianteiro, a fim de amortecer o impacto da cabeça caso ocorra uma freada brusca, por exemplo. Para crianças maiores o cinto de segurança deve estar confortável, ou seja, tomando parte do peito e dando a volta na cintura. Este cinto também é conhecido como cinto de três pontos.
Por fim, além destes itens, o motorista deve ter um cuidado redobrado ao dirigir transportando crianças, seja no banco de trás ou, quando permitido, no banco da frente.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Trânsito Mais Gentil