Locação de carros no exterior: qual seguro contratar?

locacao de carros_exterior

Quem pretende alugar um veículo no exterior certamente já ficou em dúvida sobre qual opção de seguro escolher na hora de cotar a locação de carros. É assim mesmo: são tantos tipos (e boa parte das vezes tudo escrito em inglês) que fica difícil saber qual deles é realmente necessário para ficar bem protegido e não ter de pagar nenhuma taxa extra na hora de pegar a chave ou de entregar o automóvel.

Para ajudar nesta difícil tarefa, listamos aqui os modelos de seguro mais comuns. Mas se você quer uma recomendação prática, contrate pelo menos a proteção do veículo (LDW ou CDW) e, se possível, acrescente a proteção a terceiros (SLI, ALI, EP ou LIS), já que grande parte das ocorrências estão cobertas por estes seguros. Confira os detalhes.

– CDW e LDW: Proteção contra roubos, furtos, avarias e danos ao veículo decorrentes de colisões e/ou acidentes. Isento de franquia/co-participação. “Estas são duas proteções básicas, embora nunca sejam contratadas juntas. Para garantir a segurança, é recomendado, no mínimo, contratar uma delas”, explica Christopher Correia, gerente de produto da Rentcars.

– SLI: é uma cobertura contra danos materiais e pessoais causados a terceiros em razão de acidentes com o veículo locado. Também pode ser vendido como ALI, EP ou LIS. “Este seguro resguarda sua apólice de seguros e/ou responsabilidade civil para o primeiro US$ 1 milhão, em caso de sinistros provocados por você”, detalha Michelle Tonon, gerente geral da locadora Mobility.

– PAI: é uma cobertura de acidentes pessoais. Garante ao cliente uma cobertura em despesas hospitalares para tratamento de ferimentos decorrentes de acidentes ocorridos durante o período da locação.

Vale lembrar que, para não ter surpresas desagradáveis nem taxas extras, é importante devolver o carro razoavelmente limpo, com tanque cheio e no horário marcado. Leia bem o contrato antes de assinar, pois algumas locadoras podem cobrar taxas adicionais por conta de impostos municipais e estaduais.

Outros pontos importantes: o ideal é sempre optar em pegar o carro com quilometragem livre. Também fique atento se o contrato inclui um segundo condutor, caso precise.

 

Fonte: Passaporte Digital