Interoceânica: 2 oceanos e 1 rodovia

shutterstock_466511777-1000x600

A Rodovia Interoceânica é o primeiro eixo Atlântico-Pacífico da América do Sul. Com o objetivo de unir o Brasil, pelo Acre, ao Peru e promover maior integração comercial entre os países, a estrada possui 1,9 mil km de Assis (Brasil) até Lima (Peru) e 1,4 mil km até o Porto de Illo, na costa peruana.

A estrada foi inaugurada em 2011, e é considerado um dos projetos mais importantes pra integração entre os dois países, principalmente para quem quer se aventurar em uma viagem de carro e conhecer as regiões.

Sua extensão passa por trechos da Floresta Amazônica, Cordilheira dos Andes, deserto, neve, vilarejos e cidades históricas.

Constância Consular

Você pode precisar da Constância Consular para entrar no Peru de carro. O documento é uma autorização para os brasileiros circularem no país vizinho com um veículo que seja alugado, ou que o documento não esteja no nome de um dos passageiros.

Para conseguir a Constância é preciso solicitar à Embaixada do Peru no Brasil ou para os consulados. Sem esse documento não é possível cruzar a fronteira.

Como solicitar?

Você vai precisar da cópia do documento do veículo e dos documentos pessoais do proprietário e de quem será o condutor principal durante a viagem. O prazo para a emissão é de aproximadamente dois dias.

Quem pode emitir o documento?

A Constância pode ser emitida pela Embaixada do Peru em Brasília e pelos Consulados de São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Branco e Manaus.

Habilitação

A Carteira Nacional de Habilitação (CNH) é válida para que os brasileiros dirijam no Peru por até seis meses da data de entrada no país. Após esse período, é preciso ter a carteira de habilitação peruana.

RG

A CNH não é válida como documento de identificação. Esteja sempre com o seu RG (carteira de identidade) em bom estado ou com o passaporte com pelo menos seis meses de validade

Dica

Opte por veículos com motor 1.6 ou superiores, por causa das subidas no trajeto.