Dez dicas de segurança para quem viaja a trabalho

De Entrepreneur

As viagens corporativas podem levar os funcionários a lugares interessantes, mas também a locais perigosos ao redor do mundo. Com o intuito de auxiliar os viajantes, o veterano da Marinha e também ex-integrante da CIA, Drew Dwyer, disponibilizou algumas dicas para quem vai a trabalho a lugares perigosos. Confira abaixo dez delas, publicadas no site Entrepreneur.

Shutterstock

1. SEJA PRECAVIDO
Faça cópias do passaporte, cartão de convênio médico, cartões de crédito e itinerário de viagem. Entregue uma delas a um amigo e leve outra consigo. Envie qualquer informação pertinente para o seu e-mail para que você possa acessá-la de qualquer lugar com internet.

2. USE A ETIQUETA DE “FRÁGIL” NA MALA
As bagagens com esse adesivo são, geralmente, colocadas no topo das pilhas e acabam sendo as primeiras no momento de desembarque. Com isso, é possível sair antes da maioria das pessoas e já aguardar pelo táxi.

3. ESCONDA SEU DINHEIRO
Guarde uma quantia de emergência em locais inusitados, como em embalagens que caibam no bolso. Caso a mala inteira seja roubada, o dinheiro estará a salvo.

Pixabay

4. ESTEJA COM AS CHAVES EM MÃOS
Fique atento para estar com as chaves nas mãos assim que estiver chegando ao carro ou quarto de hotel. Isso facilita uma chegada e saída rápida, em casos de emergência. A chave também pode ser usada com uma arma em momentos de autodefesa.

5. USE MEIOS DE TRANSPORTE COM CAUTELA
Utilize apenas os táxis fornecidos pelo hotel. Se pegar um de fora, na pior das hipóteses acontecerá um sequestro por resgate. Na melhor, o motorista não respeitará as tarifas locais e fará uma viagem muito mais longa que a prevista.

Se for alugar um veículo, tenha certeza que seja de uma locadora conhecida. O aeroporto ou hotel poderão fornecer empresas legítimas. Assim como faz com o carro particular, mantenha-o extremamente limpo ou sujo no exterior. Dessa forma será possível detectar impressões digitais ou qualquer tentativa de violação.

6. PREPARE SEU CELULAR
Dados de internet podem ser caros no exterior. Antes de viajar, faça o download e salve o mapa da sua viagem. Coloque o smartphone em modo avião e utilize para ver as direções sem gastar os dados. Se possível, compre um chip no destino para facilitar durante a jornada.

Se estiver preocupado que alguma agência de inteligência estrangeira esteja rastreando ou ouvindo as conversas, desligue o aparelho e remova a bateria.

Pixabay/Domínio Público


7. VISTA-SE COMO UM LOCAL

Diminua a atenção adotando o estilo dos habitantes locais e misturando-se entre eles. Se a viagem for ao Oriente Médio, é recomendável que as mulheres solteiras usem uma aliança de casamento falsa. Gaste alguns minutos pesquisando sobre a atmosfera do local que irá a negócios.

8. RASTREIE SUA BAGAGEM
Nunca mais perca suas malas utilizando um transmissor específico para o rastreio de bagagem. Com ele, é possível checar onde os pertences estão e acompanhar qualquer movimento pelo celular.

9. LEVE UM AUXILIAR DE NAVEGAÇÃO
Carregue um GPS sempre que for viajar. Ele é capaz de marcar a rota de volta, caso você se perca. Nele é também possível assinalar estações de polícia, hospitais e embaixadas.

10. FIQUE DE OLHO NOS ELEVADORES
Caso entre em um elevador e alguém pegue logo em seguida, segundos antes de a porta fechar, preste atenção nas ações da pessoa – há a possibilidade de ela estar te seguindo. Deixe-a escolher o andar primeiro, se possível. Se não for, selecione outro que não seja o seu e pegue a escadas. Isso pode parecer extremo, mas melhor se prevenir.

Emerson Souza

 

*Fonte: PANROTAS